A DOR



                 


                        A dor alfineta a alma
                        fazendo a triste sangria
                        só conhece a dimensão
                        quem a tem no coração

                         É triste quando a dor
                         dilacera as entranhas
                          o mundo  indiferente
                          não entende a sua dor.

                         É facil ouvir que passa
                         não chores é assim mesmo
                         não, não é assim
                         a tristeza não tem fim

                        Quando perdemos a rosa
                         que perfuma o jardim
                         o dia fica sem luz
                          a noite fica sem estrelas.

                          Quem há de me ouvir?
                          E a minha dor sentir?
                          embora sofrendo tanto
                          represei as lagrimas do meu pranto

                          Porque entendo mais do que nunca
                          que somos seres humanos
                          e como humanos que somos
                          carregamos a nossa dor.....



                          Lucinéia Magri
                         





                       
                        

Comentários