O PRECONCEITO NAS FRONTEIRAS




Resultado de imagem para IMIGRANTES DA SIRIA





Ah! O preconceito! de raça e de cor!
continua, mesmo que disfarçado
a causar tanta tristeza e dor
preconceito por todo o lado!

Quando será banido do mundo?
Quando a humanidade será irmã?
quando não terão mais que cruzar mares?
esperando ver o sol do amanhã?

E quando chegam famintos!
pés sangrando pela caminhada,
sem ter pátria nem lugar
encontram arames e porta fechada!

E quando a guerra insana se findará?
quando os mares não serão mais sangrados?
quando o ódio se extinguirá?
libertando irmãos mal fadados?

Oh! mares! tragam homens livres!
e tirem o ódio nas fronteiras
não são livres nas terras que vivem
e se jogam nos mares das baleias!

Oh! Meu Deus! sangra o meu coração
em ver estes homens sem destino
em jangadas sem leme nem direção
sem dúvida é um Grande desatino!

Oh! Jesus Senhor dos Mares!
Senhor do Céu, Estrela Guia!
traga a luz para afagares
as almas em forte agonia!

Oh! Jesus eu te suplico
nas linhas deste meu poema
liberte estes povos do ódio
que vivem este triste dilema!

Eu sei que é a profecia
que se cumpre por determinação
mas mesmo assim te suplico
liberte o mundo desta escravidão!!!


LUCINÉIA MAGRI




Comentários